sexta-feira, 14 de novembro de 2008

34ª Meia-Maratona da Nazaré (9 Nov 2008)

Umas amêijoas à Bolhão Pato, seguidas de uma massada de robalo e de uma grelhada mista, tudo regado com um maduro branco fresquinho do Alentejo, foi o que seleccionamos como refeição leve antes da prova.






A seguir aos 21.097,5m voltamos à amêijoas à Bulhão Pato, desta vez precedidas de uma sopa de peixe e seguidas de camarões e bacalhau assado. Havia que repor energias.

Até para o ano:




6 comentários:

joaquim adelino disse...

Olá amigos
Obrigado pela visita ao meu blog e terem deixado uma mensagem.
Ainda bem que gostaram de estar na Nazaré. A parte religiosa que refere é uma questão muito íntima de cada um e pela qual deverá sempre ser respeitada pelos outros, para muitos é uma espécie de refúgio e de alento para as agruras da vida, e elas como sabe são muitas.
Boas corridas

João Meixedo disse...

Obrigado pela visita. A parte do "chegar tarde
à missa" não pretendia ser uma crítica religiosa; poderia ter escrito "chegar tarde ao centro comercial" ou outro sítio qualquer. O que queria era desbafar acerca da má disposição de muitos domingueiros.
ABraço e até à próxima.

Carlos Lopes disse...

Olá Joao

" quem corre por gosto não se molha", até é verdade, se não tivesse que levar com agua de esgoto. quando fiz o post fui mais pelo pessoal que anda de carro... aproveito pra colocar este link no meu... boas corridas

João Meixedo disse...

he he, foi mais para levantar a moral, Carlos. Molha e molha mesmo, então se for de esgoto :).
Até breve.

António Almeida disse...

Olá João Meixedo

agradeço a passagem lá pelo blog, voltem sempre.
Seja também muito bem-vindos.
António Almeida

João Meixedo disse...

Obrigado, António. Colocaremos aqui mais posts à medida que formos fazendo provas. A próxima deve ser a Volta a Paranhos, no dia 8.
Até breve.