terça-feira, 17 de novembro de 2009

Fazer 10 kms como quem faz piscinas



Apresento aqui a minha mais sincera solidariedade a todos os nadadores e, já agora, também aos atletas que treinam no tapete.

ia virando o barco!

16 comentários:

Carlos Lopes disse...

Pista do Estoril?

MPaiva disse...

Agora meteste-te no karting?

abraço
MPaiva

Rui Pena disse...

Houve ali uma volta que fizeste um desvio e lá se vai a obra-de-arte...

Vá, conta lá, o que é que havia lá no jardim que te despertou tamanho interesse... ?


Abraço,

Rui

João Paulo Meixedo disse...

É mais o estádio Jorge Sampaio, Carlos; olé, coisa fina,

João Paulo Meixedo disse...

He he, mais parece, Miguel; era assim ou corria na 222 - a fsmose estrada nova de Avintes.
Um abraço.

João Paulo Meixedo disse...

Gajas, Rui; Gajas, obviamente :)

Novais disse...

Das duas uma, ou tiveste alguma companhia daquelas que não se pode recusar ou uma força de vontade de LEÃO.

João Paulo Meixedo disse...

foi mais a força de vontade de Leão, amigo Novais.

Vitor Veloso disse...

Oi
Só de olhar já estou zonzo!! Com tantas voltas a cabeça deve ter ficado andar a roda!! HIHIHIHIHIH
Abraço

luis mota disse...

Olá João!
Aqui está o que o rapaz faz às escondias.
Ou me engano ou houve por ali tal garra que deixou o alcatrão todo arranhado.
Se não sucedeu, considero ser um bom percurso para um treino intervalado.
O Carvalhal já está a mudar o método e os resultados virão em Paranhos.
Grande abraço,
Luís mota

João Paulo Meixedo disse...

he he, não é fácil manter o rumo, Vitor; parecia que ia num barco com um remo só.
Abraço.

João Paulo Meixedo disse...

Já nada se faz às escondidas, Luis; o Orwell é que a sabia toda.
Vou mesmo apostar em Paranhos, se não houver jantarada na véspera ;)
Grande abraço.

joaquim adelino disse...

Há pouco tempo aconteceu-me o mesmo, mas inesperado.
Fui ao Colombo à procura de algo e quando dei por mim tinha dado três voltas em baixo e outras tantas em cima, tudo somado andará por volta dos 7 kms. O resultado é que nesse dia dispensei o treino de corrida, pois isto não está preparado para andar tanto.
Mas a vida é assim mesmo, quem não tem cão...
Abraço.

Pedro Ferreira disse...

A imagem deixou-me mal disposto. Da próxima vez que entrar neste blogue, tenho os comprimidos à mão.
;)

João Paulo Meixedo disse...

Ora aí está um risco que eu não corro, amigo Joaquim: o de pôr os pés num centro comercial :)
Um abraço.

João Paulo Meixedo disse...

É melhor, Pedro; à cautela ...
Abraço.